Associação Brasileira de Polímeros

Rua São Paulo, 994 - Caixa Postal: 490
CEP: 13560-340 São Carlos/SP -
Tel/fax (16) 3374-3949 (16) 3412-7809
De Seg a Sex das 08:00 as 12:00 das 13:00 as 17:30
CNPJ: 57.716.367/0001-23 - Insc. Est. Isento

A Associação Brasileira de Polímeros – ABPol é uma sociedade civil, de âmbito nacional e sem fins lucrativos. Criada em setembro de 1988, atua junto a empresas e instituições de ensino e pesquisa, e tem por finalidade viabilizar a geração de competência para o desenvolvimento na área dos materiais poliméricos.

EMPRESAS PATROCINADORAS DA ABPOL

CURSO - Aditivação e Degradação de Polímeros

Informações

Cidade:
São Paulo - SP

Local:
dpUNION Instrumentação Analítica e Científica Ltda.
Rua Monsenhor Basílio Pereira, 50, Jabaquara
CEP 04343-090

Data:
21 e 22 de maio de 2012

Horário:
8h00 às 12h00min e das 13h30min às 17h30min

Carga Horária: 16 hrs.


Investimentos:

Associado Não Associado
Profissional R$ 841,00 R$ 1.041,00
Estudante R$ 491,00 R$ 591,00

A Inscrição dá direito ao Coffee Break, Certificado e aos livros:

"Aditivação de Polímeros"

"Degradação e Estabilização de Polímeros"


Sobre o curso

Este curso abrange as tendências mais modernas das indústrias de plásticos e borrachas e visa a redução dos custos de produção e melhor desempenho dos produtos. O curso aborda as formas de degradação dos produtos feitos com Termoplásticos e Elastômeros em função dos seus modos de utilização. Foca as alterações das propriedades químicas e físicas que ocorrem durante e após os processos de degradação. Para melhor entendimento do funcionamento (forma de degradação, teor e custos) discute, de acordo com as suas funções específicas, a ação dos aditivos estabilizantes disponíveis no mercado. Apresenta também a função de cada um dos componentes das formulações destes materiais, em termos das suas estruturas químicas, propriedades físicas, forma de apresentação, teores e custos. Capacita os profissionais que utilizam, produzem ou projetam peças confeccionadas com termoplásticos a entender melhor as suas propriedades.


Ementa

  1. Principais polímeros disponíveis no Brasil: uma visão do mercado.
  2. As matérias primas.
    1. 2.1. Homopolímeros, copolímeros, termoplásticos e termofixos.
    2. 2.2. Borrachas e elastômeros.
    3. 2.3. Blendas e compósitos.
    4. 2.4. Reações de polimerização.
  3. Formulação: definição.
    1. 3.1. Componentes de uma formulação: aditivos, cargas, agentes de reforço e modificadores.
    2. 3.2. Formas de degradação de polímeros e estabilizantes.
      1. 3.2.1. Tipos de reações de degradação, cisão de cadeias e reticulação, degradação sem cisão de cadeias, auto-oxidação e despolimerização.
      2. 3.2.2. Formas independentes de iniciação das reações de degradação: térmica e fotoquímica.
      3. 3.2.3. Formas associadas de iniciação das reações de degradação: mecânica e termo-mecânica, química, fotoquímica e termo química e Stress-cracking.
      4. 3.2.4. Estabilizantes e anti-oxidantes: estabilizantes primários e secundários, fotoestabilizantes, desativadores de metais e estabilizantes para PVC.
    3. 3.3. Plastificantes.
    4. 3.4. Lubrificantes e desmoldantes.
    5. 3.5. Agentes anti-estáticos e agentes anti-fogging.
    6. 3.6. Retardantes de chama.
    7. 3.7. Pigmentos e corantes.
    8. 3.8. Agentes de expansão e espumantes.
    9. 3.9. Nucleantes.
    10. 3.10. Modificadores de impacto.
    11. 3.11. Anti-microbianos ou biocidas.
  4. Tipos de cargas.
    1. 4.1. Cargas de enchimento.
    2. 4.2. Cargas funcionais.
    3. 4.3. Cargas de reforço, fibras e negro de fumo.
    4. 4.4. Compósitos e nanocompósitos.
  5. A preparação das formulações.
    1. 5.1 Mistura intensiva.
    2. 5.2 Extrusora mono e dupla rosca.
    3. 5.4 Preparação de master-batch.

Outras Informações

Instrutor:
Prof. Dr. Marco-Aurelio De Paoli (http://lattes.cnpq.br/1155499095721468) possui graduação (Bacharelado) em Química pela Universidade de Brasília (1970) e Doutorado em Química pela Universidade de São Paulo (1974). Atualmente é Professor Colaborador na Universidade Estadual de Campinas. Tem larga experiência na área de Química, com ênfase em Polímeros e Eletroquímica, atuando principalmente nos seguintes temas: degradação e estabilização de polímeros, formulação de termoplásticos, compósitos poliméricos com fibras vegetais, blendas poliméricas, fotoeletroquímica e eletrólitos sólidos poliméricos. Tem atuado em projetos de pesquisa em interação com o setor industrial e possui diversas patentes nacionais e uma internacional. O interesse atual em pesquisas está focado em "materiais poliméricos de baixo impacto ambiental".

Público Alvo:
Dirigido aos profissionais que projetam, utilizam e produzem artefatos de termoplásticos, moldados por qualquer tipo de processamento e para todos os tipos de aplicação. Dentre esses profissionais incluímos os técnicos e engenheiros da área de plásticos, Engenheiros Químicos e Engenheiros Mecânicos. Durante o curso serão usados exemplos práticos para ilustrar cada tema discutido.

Bibliografia:

  • S.V. Canevarolo Jr., Ciência dos Polímeros, 2ª. edição, Editora Artliber, São Paulo, 2008.
  • M-A De Paoli, "Degradação e Estabilização de Polímeros", Editora Artliber, 2009, São Paulo.
  • M Rabello, "Aditivação de Polímeros", Editora Artliber, 2000, São Paulo.


Apoio

Realização

ABPol Associação Brasileira de Polímeros - CNPJ: 57.716.367/0001-23
abpol@abpol.org.br - (16) 3374-3949 (16) 3412-7809 - Caixa Postal: 490 - CEP: 13560-340 - São Carlos/SP